L’armata Brancaleone

Acabaram as eleições! Simples assim. O povo foi às urnas (será que foi?) e escolheu seus representantes municipais pelos próximos quatro anos. Sem dúvida alguma o partido que saiu mais derrotado dessas eleições foi o PT. Vamos aqui a algumas considerações sobre esse fato.

A única cidade com mais de 200.000 eleitores que o PT irá comandar é Rio Branco. Tanta fome pelo poder deu nisso. Com muita sorte Lula vai comandar os exércitos do Reino Unido de Rio Branco.

Lembra –me um filme italiano antigo, de 1965 “L’armata Brancaleone”. Os petistas já podem sair cantando o refrão: “Branca Branca Branca, Leon Leon Leon!”.

Explico. Para dar um golpe nos senhores feudais da época, um grupo de maltrapilhos encontra na figura de um atrapalhado cavaleiro a tábua da sua redenção. E por incrível que pareça esse cavaleiro é o motivo de derrota do grupo. Em outras palavras, o que antes era o salvador se torna o principal algoz! Muito parecido, não??

Acho que o povo poderia até sair gritando: “Branca Branca Branca, Lulon Lulon Lulon!”.

Por que isso aconteceu? Por que o PT, antes eleitoralista imbatível, virou essa lncredible Armata Brancaleone? Tenho quase por convicção absoluta que não surgiu do nada no cenário brasileiro uma vicejante direita, poderosa e endinheirada – como querem os acadêmicos.

A pergunta que se faz deve ser: por que uma força autocrática organizada e socialmente enraizada, que aprendeu como ninguém a usar as eleições contra a democracia, está sendo exterminada, justamente, pelas urnas?

É evidente também que, as instituições do Estado não estão funcionando a todo vapor. As instituições funcionaram, sim. Mas não de modo próprio. Foram empurradas pelas ruas. Desde junho de 2013. E só as ruas explicam por que o PT vai sendo varrido do mapa institucional brasileiro.

E ainda tem os conservadores legalistas, estes sim, preocupados com a turba ignara exigindo punição aos culpados pelo maior esquema de corrupção documentado da história do país. Impeachment da Dilma, Lula sendo réu, Cunha preso... E querem “estancar a sangria” – palavras do Senador Jucá. Penso que é a esperança de entregar o anel para restar os dedos! E por isso não param de gemer baixinho:

- “Onde isso vai parar? Temos que colocar ordem na casa. Um Savonarola solto em Curitiba, apoiado por multidões consteladas nas ruas e praças de todo o país, vai acabar colocando tudo a perder”.

Penso eu que o principal erro de Lula e sua camarilha, foi ter se sentido acima da lei. Levaram Maquiavel ao pé da letra. Quiseram se perpetuar no poder, impondo os pensamentos esquerdistas ao povo de uma maneira que não fora aceita.

Tudo ainda teria se resolvido e ficado no mais do mesmo, caso o povo estivesse com dinheiro no bolso – o mensalão é a prova do que estou falando. Escândalo de corrupção. Ministro caindo. “Eu não sabia”, gritava o chefe. Impossível de não saber – grita o bom senso. E o povo engoliu. E votou. E reelegeu. E ficou sem emprego. E ficou sem dinheiro. E a máscara caiu.

Resta agora a esquerda brasileira uma reflexão. O mais do mesmo, o povo prefere o conservadorismo. Uma identidade, é tudo que o povo quer. Mesmo que seja na linha contrária daquilo que eles pregam. Ou será que o Dória se elegeu em São Paulo, já no primeiro turno, se mostrando algo que não é?

Um abraço e até mais.

    Você sabia que o OqueRola está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.