Você quer a Argentina fora da Copa do Mundo?

Depois da rodada de ontem nas Eliminatórias da Copa do Mundo 2018, existe o risco real da Argentina ficar fora do torneio. O empate contra o Peru em Buenos Aires colocou a Celeste fora da faixa de classificação. A rodada decisiva para os bicampeões mundias será na próxima terça-feira, em jogo fora de casa contra o Equador. Se perder, já era. Provavelmente será a aposentadoria de Lionel Messi com a camisa de sua seleção.

Aqui vai minha pergunta: você está torcendo que a Argentina fique fora do torneio? Ou prefere que o time dispute a Copa?

Eu tenho uma posição dúbia. Acho importante que a Argentina participe do torneio pelo peso histórico de sua camisa. É inegável que uma Copa do Mundo sem os caras perde muito da graça. Sei que a competição de 1970 não teve a presença dos nossos vizinhos. E também sei o peso histórico desse ano não só para nosso futebol, mas para todo mundo que gosta desse esporte.

Por outro lado, tendo em vista que a intenção do torneio é reunir e confrontar os principais jogadores do planeta, não tenho a menor dúvida que o torneio perde com a ausência de Messi. Di Maria, Higuaín, Agüero, Dybala e outros. Nesse sentido, gostaria que a Argentina consegui a vaga para o campeonato.

Mas preciso assumir que estou envolto em um sentimento de simpatia frente ao Peru. Não vivi o trauma da Copa de 1978 com a farsa armada pela seleção andina. A canalhice peruana e argentina prejudicou a Seleção Brasileira. Ganhou o país que sediava o campeonato com a liderança de Kempes. Aquilo não me machucou. Desde 1982 que os peruanos não disputam uma Copa. E como acompanho Guerrero e Trauco por conta do Flamengo, me vejo torcendo pela seleção alvirrubra.

Eu sou um cara meio esquisito. E minha relação com o futebol não é diferente. Não tenho no coração esse sentimento de rivalidade extrema com a Argentina. Para ser sincero, os traumas de 1982 e 1986 me são mais fortes. A desclassificação de 1990 não doeu. O time de Lazaroni era mequetrefe demais. Minha antipatia pela Itália e França são bem maiores do que em relação aos nossos vizinhos. Sou tão esquisito com essas coisas que, sendo esmeraldino, estou torcendo para que o Vila Nova consiga subir esse ano para a Série A do Brasileirão. Assim como tendo o Flamengo como segundo time, torci pelo Botafogo na Libertadores da América contra o Grêmio. Não sirvo como média.

Acredito que a maioria da torcida brasileira vai se dedicar com veemência a secar o time de Messi na próxima rodada. Nem sei se é preciso. Pela bolinha que os caras estão apresentado, parece que a própria incompetência deles será necessária para a desclassificação. Caso consigam a vaga, nada mais normal. Além da tradição, os feitos cheios de drama estão tatuados na alma do povo argentino. Eles sabem sofrer como ninguém.

Será que Messi encarnará o herói do tango que sofre, sofre, sofre e conquista o êxito no final? Veremos.

    Você sabia que o OqueRola está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.