70% dos goianienses pretendem comprar presentes no Dia das Mães

Publicado em 09.05.2017


Quando chega o Dia das Mães não tem crise econômica, nem desemprego que atrapalhe a comemoração. Afinal, não é qualquer data e quando o assunto é presentear o goianiense revela que não pretende economizar. Pesquisa divulgada pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Goiânia mostra que 70% da população da capital pretende comprar um mimo para a mãe. E, em muitos casos, não será apenas uma lembrancinha, já que o valor médio dos presentes ficou em R$ 181,17.

A pesquisa, encomendada pela CDL, foi realizada pela Grupom durante o mês de abril em 27 pontos da cidade e mostra, ainda, que comprar em lojas do comércio de rua será a escolha de 36,5% dos entrevistados. Comprar no centro da cidade é a preferência de 11,4%, outros 8,5% pretendem comprar nas lojas de Campinas e 6,4% nas lojas da Rua 44. Para muitos o dinheiro do FGTS inativo dará uma força na hora das compras, mas ainda assim 47,25% disseram ter menos dinheiro este ano em comparação a 2016.

Na hora de escolher o presente, as peças de vestuário lideram a preferência: 42,7% dos entrevistados pretendem comprar roupas para a mamãe, enquanto 20,9% disseram optar por perfurmaria e 10,7% calçados. Seja qual for a escolha, o importante é passar o domingo curtindo um colo de mãe.

 

 

 

Posts Relacionados

LER  Leve sua mãe (ou seu filho) para um luau especial hoje no Evoé
Lillian Bento
Lillian Bento

Últimos posts por Lillian Bento (exibir todos)



    COMENTÁRIOS